16 dezembro, 2014

Desafio Fit Verão 2015 - Como escolher o top ideal para malhar

Ainda falando sobre o Desafio Fit Verão 2015 (eu sei, estou devagar, mas os posts estão subindo), um dos apoiadores do projeto foi a Liz do Shopping Pátio Batel. Cada uma de nós bloggers ganhou um top para usar nos seus treinos da academia. Ainda no SPA do Lago tivemos uma breve aula com a Alison, proprietária da loja, sobre os tops de ginástica. E eles não servem só pra combinar com o resto do look, mas pra ajudar a cuidar da saúdes dos seios. Ela nos explicou sobre a importância de escolher um top para malhar, pois a atividade física pode provocar a flacidez dos seios.



A Alison mostrou que o primeiro passo para escolher um top adequado é identificar o nível de impacto da atividade física. Por exemplo, alongamento tem menos impacto do que corrida. Depois, é preciso saber o tamanho ideal para garantir o conforto durante o treino. Quando provei o top da Liz que ganhei da Alison lá no SPA percebi que eu vinha usando o top errado há anos. Meus tops eram todos muito maiores do que meu tamanho! A gente, na verdade a Dani, fez o teste da esteira para mostrar a diferença entre os tops. A gente consegui, literalmente, enxergar que o top dava mais, digamos, "estabilidade" para o peito. Muito legal.


Dicas da Alison para escolher o top esportivo ideal: 

1 – Sustentação e Segurança - É preciso que o top proporcione a sustentação necessária dos seios, garantindo segurança na prática da atividade física.

2 – Tamanho – Os tops firmes vão além dos tradicionais tamanhos P, M e G, atendendo mulheres que tem diferentes tamanhos de costas e seios.Neste caso, cada tamanho de costas atende dois tamanhos de seios. Exemplo prático: o tamanho 40 BC é apropriado para mulheres de costas 40 e seios 40 e 42. Já o tamanho 40 DDD atende as de costas 40 e seios 44 e 46. Faça a consultoria Fit Sense gratuitamente e descubra o seu tamanho correto.

3 – Teste – Assim como na compra de um tênis, não adianta comprar o seu top sem experimentar e fazer um pequeno teste. Pule, faça movimentos que simulem um exercício. Dessa forma, você terá mais segurança em relação à escolha que está fazendo.


Olha só a parte técnica da coisa. "Uma pesquisa revelou que os seios apresentam três planos de movimento durante o exercício: vertical, horizontal e lateral, podendo oscilar até 21 cm durante a prática do esporte. Tal impacto força os ligamentos de Cooper, única sustentação natural das mamas. O problema da falta de sustentação ou da sustentação incorreta dos seios durante o movimento não se restringem ao tórax. Os estudos britânicos comprovaram que correr sem a sustentação adequada para os seios exige mais força nas pernas, aumentando o impacto contra o chão em até 27%. Já o uso de tops esportivos reduz em até 55% a atividade do músculo peitoral."

*Este não é um post patrocinado pago. A loja Liz Shopping Pátio Batel apoiou o Desafio Fit Verão 2015 e concedeu informações relevantes aos assuntos abordados pelo blog. 

10 dezembro, 2014

Desafio Fit Verão 2015 - SPA do Lago

Para continuar a série de posts sobre o Desafio Fit Verão 2015, hoje conto um pouquinho sobre nossa experiência no SPA Estância do Lago. Eu sei, demorei para postar, não me julguem (rsrsrs!). Estava fazendo mudança de casa, muita coisa acontecendo. Quem me segue no Instagram @luizagarmendia percebeu que me mudei para Vancouver, então ainda estou me organizando com os posts atrasados.



O desafio já terminou, a vencedora foi a Rafa Ronconi, mas quero contar os detalhes da minha experiência para vocês.
Como vocês já sabem, nosso grupo de desafiadas é formada pela Dani Machado, do blog Party of 30s, pela Mari Frazão, pela Rafa Ronconi, do blog da Rafa, pela Thais Marques, do blog Coisas de Diva, e por mim, do Shakespeare de Batom. 

Chegamos na Estância do Lago na sexta-feira pela manhã e fomos direto para uma bateria de consultas. Primeiro, nos pesamos e tiramos medidas. Depois, consultamos com a nutricionista Thais que investigou um pouquinho sobre os objetivos de cada uma de nós. Conversei bastante com ela porque sempre fico com dúvidas na hora de fazer dieta. Não como carne verm
elha nem frango (ou qualquer outro ave) e não suporto dietas que queriam me "obrigar" a incluir carne na alimentação. A Thaís foi super tranquila comigo e me explicou que elaboraria um cardápio em que eu tivesse várias opções para incluir no grupo das proteínas. 
Depois da bateria de consultas e das metas estipuladas, foi hora da gente se jogar na rotina do SPA. 

A Estrutura 


Nos hospedamos todas em chalés. Quando chegamos, apesar de ser primavera, estava bem frio. Por isso, o maior ponto positivo é a calefação. O quarto está sempre muito quentinho, adorei. Todos os quartos são equipados com televisão e com frigobar. Claro que eu fui direto abrir o frigobar e esqueci que estava num SPA... não tinha nada dentro, óbvio.

vista do chalé... perfeita!

O SPA tem um clima de casa de campo, uma delícia. Piscina ao ar livre, lago para fazer caiaque (que depois descobrimos que só pode ser praticado quando os salva-vidas estão de plantão!), piscina coberta, salas de massagem, academia, salão de jogos. Tudo super bem cuidado, com muito capricho e carinho.




A Rotina

Quando cheguei na Estância do Lago não sabia exatamente o que iria acontecer por lá, então me surpreendi um pouco com a rotina no SPA. O que mais gostei é que lá tem horário para tudo. Para pessoas indisciplinadas como eu, isto é fundamental. Sério, se o café da manhã não tivesse um horário rígido, eu nunca sairia da cama antes das 3h da tarde. E se não houvessem aulas especiais na academia, como a Zumba que adoramos, juro que não passaria nem perto.




Por isso, o mais legal é entrar no clima e participar das atividades. A Rafa, a Thaís e eu até fizemos uma mini apresentação de dança com as coreografias da aula  #Comédia

As Refeições 


Ok, vamos direto para o ponto mais sincero do post. Sim, passei fome. Bastante fome. Minha dieta no final de semana era de 800 calorias. Não estranhei a qualidade dos alimentos porque comi basicamente as mesmas coisas que consumo em casa. Quando faço dieta nunca preciso "trocar" o arroz e o pão branco pelas versões integrais porque isto já é o que como normalmente. O mais difícil de fazer a dieta na Estância foi mesmo a quantidade limitada de comida. Não estou acostumada a comer tão pouquinho.


Agora, não sei se era a fome, mas a comida é deliciosa! Não como carne vermelha, então eles preparavam pratos especiais pra mim. Pra mim, o melhor de tudo foi a omelete. OMG! Melhor que já comi. Pena que a fome era tanta que não deu tempo de tirar foto...


Na primeira noite, a Rafa, a Thaís, a Mari e eu ficamos conversando até tarde na beira da lareira. De repente, bateu uma fome daquelas. Muito engraçado! Começamos a abrir todos os armários da sala de jantar da Estância procurando pelo menos uma migalha de comida e nada. O jeito foi dormir e acordar cedo pra não perder o café da manhã do dia seguinte.
No segundo dia também me bateu um desespero. Estava quase cometendo um homicídio para conseguir um pouco de leite em pó para colocar no café. Engraçado como sinto falta de umas coisas




O Resultado de um final de semana


Fiquei bem impressionada com o resultado de um final de semana. De sexta para domingo, diminuí quase 2kg! Claro, muito disso é líquido, mas mesmo assim é um resultado muito bom.

sensualizando no lago... Thaís arrasou na foto

Às vezes parece que é impossível perder peso, que não importa o que eu faça, nada muda no meu corpo. Por isso, esse empurrão inicial foi mesmo perfeito para eu voltar para casa e continuar o Desafio.